segunda, 14 de outubro, 2019

Sedur notifica o Mansão Costa Pinte e logo depois o elevador de carga despenca e mata 2 funcionários.Ver mais...

 
A Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo informa que interditou, nesta segunda-feira (18), o elevador de carga do prédio Mansão Carlos Costa Pinto, no Corredor da Vitória. Durante a fiscalização foi verificado que o equipamento instalado na área externa do edifício estava sendo utilizado para transportar materiais para uma obra sem licença em uma das unidades do prédio.
 
Como o condomínio se recusou a informar a identidade do proprietário do apartamento, o próprio condomínio foi notificado. A Sedur concedeu um prazo de 24 horas para o responsável permita a entrada dos fiscais do órgão para realizar uma vistoria no local.
 
Na ocasião, a secretaria também notificou o condomínio para apresentar, no prazo de 30 dias, o laudo de manutenção predial. A sanção foi aplicada com base no Decreto Municipal nº 13251/01 que dispõe sobre a manutenção preventiva e periódica das edificações e equipamentos públicos ou privados em Salvador, devendo o responsável pelo empreendimento realizar vistoria técnica qualificada para verificação do estado de conservação da edificação, no prazo de cinco (5) anos, a contar da data da expedição do alvará de Habite-se. Em caso de não atendimento à notificação, o condomínio será autuado e poderá ser multado.
Divulgação Alô, Alô Bahia
 
Publicidade Baixo Internas