sábado, 05 de dezembro, 2020

Rubem de Freitas Novaes presidente do Banco do Brasil entregou nesta sexta feira 24 o seu cargo.Ver mais...

 
Ele fez nesta sexta feira o pedido de renúncia ao Excelentíssimo presidente Jair Messias Bolsonaro e ao Sr.Ministro da Economia Paulo Guedes, alegando que ficará no cardo até o mês de agosto, com data a ser definida. Ele não declarou o porque da entrega do cargo, porém se sabe que o ministro Paulo Guedes fez uma crítica o presidente do referido Banco, concernente às dificuldades encontradas em realizar mudanças no Banco.
Quando o maior critica o menor não doe tanto, doe mais é quando o menor critica o maior.
Um milionário tinha um cheff de cozinha, e a milionário sempre chegava em casa xingava o cheff de cozinha e a comida também, isso o milionário fazia todos os dias, até que um dia, o cheff de cozinha preparou língua cozida, e quando ele chegou foi logo dizendo: Que diabo tem para comer hoje seu cão? Disse o cheff de cozinha: Tem língua cozida pratão, ele comeu e disse que estava desgraçada de boa. No dia seguinte, o cheff de cozinha preparou língua assada, e língua assada é péssima comida, o patrão chegou xingando, se sentou na mesa e quando começou a comer disse: Venha cá seu miserável, que comida miserável é essa? Disse o cheff de cozinha: É língua patrão. Disse o patrão: Ontem a língua estava tão boa e hoje está desgraçada de ruim, disse o cozinheiro, eu fiz assim de propósito, para o Sr. aprender que, a gente pode usar a língua para o bem e para o mal, o senhor me xinga, xinga todo mundo e ainda xinga a comida, o patrão baixou a cabeça e nunca mais xingou, nunca mais falou palavra torpe.
Presidente do Banco do Brasil, Sr. Rubem Novaes se sentiu magoado com a crítica que o Ministro da Economia fez, a respeito da sua pessoa, foi uma crítica oriunda de um maior para um menor, mas nessa história entra um cheff de cozinha e um patão, foi uma crítica de um menor para um maior, eu creio que doeu mais, contudo foi bom, porque trouxe uma lição de vida, não só para aquele milionário, mas também para todos que tem esse defeito de xingar tudo e a todos.
Publicidade Baixo Internas